30 de abr de 2010

A PIPOCA - Rubem Alves


A culinária me fascina. De vez em quando eu até me até atrevo a cozinhar. Mas o fato é que sou mais competente com as palavras do que com as panelas.

Por isso tenho mais escrito sobre comidas que cozinhado. Dedico-me a algo que poderia ter o nome de "culinária literária". Já escrevi sobre as mais variadas entidades do mundo da cozinha: cebolas, ora-pro-nobis, picadinho de carne com tomate feijão e arroz, bacalhoada, suflês, sopas, churrascos.

Cheguei mesmo a dedicar metade de um livro poético-filosófico a uma meditação sobre o filme A Festa de Babette que é uma celebração da comida como ritual de feitiçaria. Sabedor das minhas limitações e competências, nunca escrevi como chef. Escrevi como filósofo, poeta, psicanalista e teólogo — porque a culinária estimula todas essas funções do pensamento.

As comidas, para mim, são entidades oníricas.

Provocam a minha capacidade de sonhar. Nunca imaginei, entretanto, que chegaria um dia em que a pipoca iria me fazer sonhar. Pois foi precisamente isso que aconteceu.

A pipoca, milho mirrado, grãos redondos e duros, me pareceu uma simples molecagem, brincadeira deliciosa, sem dimensões metafísicas ou psicanalíticas. Entretanto, dias atrás, conversando com uma paciente, ela mencionou a pipoca. E algo inesperado na minha mente aconteceu. Minhas idéias começaram a estourar como pipoca. Percebi, então, a relação metafórica entre a pipoca e o ato de pensar. Um bom pensamento nasce como uma pipoca que estoura, de forma inesperada e imprevisível.

A pipoca se revelou a mim, então, como um extraordinário objeto poético. Poético porque, ao pensar nelas, as pipocas, meu pensamento se pôs a dar estouros e pulos como aqueles das pipocas dentro de uma panela. Lembrei-me do sentido religioso da pipoca. A pipoca tem sentido religioso? Pois tem.

Para os cristãos, religiosos são o pão e o vinho, que simbolizam o corpo e o sangue de Cristo, a mistura de vida e alegria (porque vida, só vida, sem alegria, não é vida...). Pão e vinho devem ser bebidos juntos. Vida e alegria devem existir juntas.

Lembrei-me, então, de lição que aprendi com a Mãe Stella, sábia poderosa do Candomblé baiano: que a pipoca é a comida sagrada do Candomblé...

A pipoca é um milho mirrado, subdesenvolvido.

Fosse eu agricultor ignorante, e se no meio dos meus milhos graúdos aparecessem aquelas espigas nanicas, eu ficaria bravo e trataria de me livrar delas. Pois o fato é que, sob o ponto de vista de tamanho, os milhos da pipoca não podem competir com os milhos normais. Não sei como isso aconteceu, mas o fato é que houve alguém que teve a idéia de debulhar as espigas e colocá-las numa panela sobre o fogo, esperando que assim os grãos amolecessem e pudessem ser comidos.

Havendo fracassado a experiência com água, tentou a gordura. O que aconteceu, ninguém jamais poderia ter imaginado.

Repentinamente os grãos começaram a estourar, saltavam da panela com uma enorme barulheira. Mas o extraordinário era o que acontecia com eles: os grãos duros quebra-dentes se transformavam em flores brancas e macias que até as crianças podiam comer. O estouro das pipocas se transformou, então, de uma simples operação culinária, em uma festa, brincadeira, molecagem, para os risos de todos, especialmente as crianças. É muito divertido ver o estouro das pipocas!

E o que é que isso tem a ver com o Candomblé? É que a transformação do milho duro em pipoca macia é símbolo da grande transformação porque devem passar os homens para que eles venham a ser o que devem ser. O milho da pipoca não é o que deve ser. Ele deve ser aquilo que acontece depois do estouro. O milho da pipoca somos nós: duros, quebra-dentes, impróprios para comer, pelo poder do fogo podemos, repentinamente, nos transformar em outra coisa — voltar a ser crianças! Mas a transformação só acontece pelo poder do fogo.

Milho de pipoca que não passa pelo fogo continua a ser milho de pipoca, para sempre.

Assim acontece com a gente. As grandes transformações acontecem quando passamos pelo fogo. Quem não passa pelo fogo fica do mesmo jeito, a vida inteira. São pessoas de uma mesmice e dureza assombrosa. Só que elas não percebem. Acham que o seu jeito de ser é o melhor jeito de ser.

Mas, de repente, vem o fogo. O fogo é quando a vida nos lança numa situação que nunca imaginamos. Dor. Pode ser fogo de fora: perder um amor, perder um filho, ficar doente, perder um emprego, ficar pobre. Pode ser fogo de dentro. Pânico, medo, ansiedade, depressão — sofrimentos cujas causas ignoramos.Há sempre o recurso aos remédios. Apagar o fogo. Sem fogo o sofrimento diminui. E com isso a possibilidade da grande transformação.

Imagino que a pobre pipoca, fechada dentro da panela, lá dentro ficando cada vez mais quente, pense que sua hora chegou: vai morrer. De dentro de sua casca dura, fechada em si mesma, ela não pode imaginar destino diferente. Não pode imaginar a transformação que está sendo preparada. A pipoca não imagina aquilo de que ela é capaz. Aí, sem aviso prévio, pelo poder do fogo, a grande transformação acontece: PUF!! — e ela aparece como outra coisa, completamente diferente, que ela mesma nunca havia sonhado. É a lagarta rastejante e feia que surge do casulo como borboleta voante.

Na simbologia cristã o milagre do milho de pipoca está representado pela morte e ressurreição de Cristo: a ressurreição é o estouro do milho de pipoca. É preciso deixar de ser de um jeito para ser de outro.

"Morre e transforma-te!" — dizia Goethe.

Em Minas, todo mundo sabe o que é piruá. Falando sobre os piruás com os paulistas, descobri que eles ignoram o que seja. Alguns, inclusive, acharam que era gozação minha, que piruá é palavra inexistente. Cheguei a ser forçado a me valer do Aurélio para confirmar o meu conhecimento da língua. Piruá é o milho de pipoca que se recusa a estourar.

Meu amigo William, extraordinário professor pesquisador da Unicamp, especializou-se em milhos, e desvendou cientificamente o assombro do estouro da pipoca. Com certeza ele tem uma explicação científica para os piruás. Mas, no mundo da poesia, as explicações científicas não valem.

Por exemplo: em Minas "piruá" é o nome que se dá às mulheres que não conseguiram casar. Minha prima, passada dos quarenta, lamentava: "Fiquei piruá!" Mas acho que o poder metafórico dos piruás é maior.

Piruás são aquelas pessoas que, por mais que o fogo esquente, se recusam a mudar. Elas acham que não pode existir coisa mais maravilhosa do que o jeito delas serem.

Ignoram o dito de Jesus: "Quem preservar a sua vida perdê-la-á".A sua presunção e o seu medo são a dura casca do milho que não estoura. O destino delas é triste. Vão ficar duras a vida inteira. Não vão se transformar na flor branca macia. Não vão dar alegria para ninguém. Terminado o estouro alegre da pipoca, no fundo a panela ficam os piruás que não servem para nada. Seu destino é o lixo.

Quanto às pipocas que estouraram, são adultos que voltaram a ser crianças e que sabem que a vida é uma grande brincadeira...

"Nunca imaginei que chegaria um dia em que a pipoca iria me fazer sonhar. Pois foi precisamente isso que aconteceu".

O texto acima foi extraído do jornal "Correio Popular", de Campinas (SP), onde o escritor mantém coluna bissemanal.

Rubem Alves: tudo sobre sua vida e sua obra em "Biografias".

Resolvi postar este texto aqui pq a linda amiga @RenataBarc me chamou de pipoca.... Achei divertido, lúdico... Talvez o adote pra sempre no twitter... rssss ... Adorei... Parece menina arteira, saltitante, que não pára de mexer nas coisas, curiosa... Meio nádia mesmo...

Bjos a todos.... 

Renata minha menina, obrigada pelo carinho! Bjus




Bom dia!!!

Levo um susto a cada dia 30 de cada mês... O ano está voando..... Hoje último dia pra entrega da declaração do Imposto de Renda... E eu ainda procurando algo pra fazer, trabalho fora de casa.... Diabetes "altíssimo" só pq saí a semana toda da dieta... Preciso aprender e a me acostumar... Não que tenha dificuldades em fazer dieta, o meu problema não é ela e sim, as restrições... Não gosto de nada que domine o meu ser.... É incrível... Parece uma birra idiota... mas não é..... Vou me controlar... preciso...

No mais... tudo normal... Esperando meu irmão chegar de Rondônia!
Dia lindo a todos! Bjus

28 de abr de 2010

Filhos

Filhos, razão da nossa existência... Um dia compreenderão que só sentimos amor por eles! Presentes de Deus!


                                                


Amanheci com muita saudade dessa pessoinha aí que amo profundamente!!!!! Meu pai... Tão simples, tão generoso.... Saudade do seu sorriso, das suas brincadeiras... Me proteja de onde estiver... Só tô com saudade mesmo! O choro é inevitável....Se você soubesse o tanto que sinto sua falta, voltava pra cá rapidim, rapidim....

27 de abr de 2010

Oiiiii... Passadinha pra acariciar minha menininha que anda tão "bandonadinha"

Passadinha rápida por aqui... Tentando amansar o leãozinho...rsss 

Bom, hoje resolvi tirar uma fotinhas... É incrível como sou desajeitada.... Mas.... Vou postar umas aqui.... 

Um dengo a todos os visitantes e um afago na minha menininha.... 
Comendo salada de frutas da tia Erany


Tentando mostrar minha meia colorida..kkkk


Aqui a dita cuja....Só não entendi pq a Elimara riu delas...

Será que é menininha demais??? Ai meu Deus!!!! Mico??? Ahhh mas gosto tanto...

Beijos e prometo estar aqui amanhã... Escrevendo muito mas só nos pensamentos...

Beijos e grata pela visita!

24 de abr de 2010

A Pretensão do passarinho




Motoqueiro a 140 km/h numa estrada. De repente deu de encontro com um passarinho e não conseguiu esquivar-se:
Pá !!! Pelo retrovisor, o cara ainda viu o bichinho dando várias piruetas no asfalto até ficar estendido.
Não contendo o remorso ecológico, ele parou a moto e voltou para socorrer o bichinho. O passarinho estava lá, inconsciente, quase morto. Era tal a angústia do motoqueiro que ele recolheu a pequena ave, levou-a ao veterinário, foi tratada e medicada, comprou uma gaiolinha e a levou para casa, tendo o cuidado de deixar um pouquinho de pão e água para o acidentado.
No dia seguinte, o passarinho recupera a consciência.
Ao despertar, vendo-se preso, cercado por grades, com o pedaço de pão e a vasilha de água no canto, o bicho põe as asas na cabeça e grita:
PUTA QUE PARIU!! MATEI O MOTOQUEIRO !!!

23 de abr de 2010

Oração a São Jorge

Chagas abertas Sagrado Coração, todo amor e bondade, o sangue do meu Senhor Jesus Cristo no meu corpo se derrame, hoje e sempre.
Eu andarei vestido e armado, com as armas de São Jorge. Para que meus inimigos tendo pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me enxerguem e nem pensamentos eles possam ter, para me fazerem mal. Armas de fogo o meu corpo não alcançarão. Facas e lanças se quebrarão sem ao meu corpo chegarem, cordas e correntes se rebentarão sem o meu corpo amarrarem.
Jesus Cristo me proteja e me defenda com o poder da santa e divina Graça, a Virgem Maria de Nazaré, me cubra com o seu sagrado e divino manto, me protegendo em todas as minhas dores e aflições e, Deus com a sua Divina misericórdia e grande poder, seja meu defensor contra as maldades e perseguições dos meus inimigos e o glorioso São Jorge, em nome de Deus, em nome de Maria de Nazaré, em nome da falange do Divino Espírito Santo, estenda-me o seu escudo e as suas poderosas armas defendendo-me com sua força e com sua grandeza do poder dos meus inimigos carnais e espirituais e de todas as suas más influências, e que debaixo das patas do seu fiel ginete, meus inimigos fiquem humildes e submissos a vós, sem se atreverem a ter um olhar sequer que me possa prejudicar. Assim seja com poder de Deus e de Jesus Cristo e da falange do Espírito Santo. Amém

22 de abr de 2010

SABÃO LÍQUIDO COM ÓLEO USADO (rende 50 litros)

Quem nunca teve dificuldade pra se livrar do óleo das frituras???? Acho que todas nós... Procurei várias receitas, testei algumas mas.... não dava muito certo. Minha mãe fazia um em barra que ficava ótimo. Enfim, meu irmão trouxe esta receita do sítio dele em Rondônia.... No início pode ser que não fique muito bom, com a prática vai acertando e descobrindo o melhor jeito... Gostei dessa porque é líquido e rende muito.... Ponho em embalagens de água sanitária e amaciante, as grandes são melhores. Melhor ainda pois são reaproveitadas também...

Vamos lá???

INGREDIENTES:

2 litros de água quente (bem quente)
2 litros de óleo usado (coado pra eliminar impurezas maiores)
1 kg de Soda Bel
2 litros de álcool (combustível)

Num Balde grande (tamanho suficiente para 50 litros), coloque a soda, o óleo e um pouco da água bem quente, misturar sem parar até virar uma pasta. Acrescente o álcool e continue misturando. Vá acrescentando água fria até completar 50 litros..... Pode colocar um vidro pequeno de glicerina se preferir....

Após, coloque em embalagens e guarde...

21 de abr de 2010

Sabrina!!!!

Essa é a Sabrina.... Minha neta de 2 anos.... Sapeca, inteligente tem um jeitinho esperto de me seduzir.... E como sabe fazê-lo... Será que "vovozei" geral????? Crianças, realmente alegram nossos dias.... Uma pureza e doçura sem fim....


20 de abr de 2010

longevidade dos Profissionais de Engenharia

Recebi da minha amiga Engenheira de Minas Luciana.... Bom, ela tem 30...rssss 

Vida Dura!

Um médico saiu a caminhar e viu essa velhinha da foto sentada no banco de uma praça, fumando um cigarrinho.
Aproximou-se e perguntou:

 “Nota-se que está bem, qual é seu segredo?"
Ela então respondeu: “Trabalho numa Empresa de Engenharia de Construção, durmo às 4 da manhã revisando plantas, me levanto às 6. Nos fins de semana não pratico esportes, não me divirto. Trabalho fazendo projetos, orçamentos, especificando materiais, revisando plantas ou visitando obras, isso durante a semana, sábados, domingos e feriados também. Não tomo café da manhã, não almoço e nem janto no horário porque não dá tempo.”
 O doutor então exclamou:
- “Mas isso é extraordinário. A senhora tem quantos anos?”
- “35”, respondeu-lhe a velhinha...

18 de abr de 2010

Parabéns Renatinha!!!!

Renata Locutora, Renata Davies, pra mim, "Renatinha"....O que falar dessa mulher com cara de menina que alegra nossas noites no twitter???? Irreverente, alegre, cabeça boa, talentosa, muito especial mesmo... às vezes me pego dando gargalhadas lendo seus tweets.


Minha querida, te conheci através do @Alediasdasilva e do @emersonanomia já há algum tempo, desde então acompanho seus passos.... Não sou tão irreverente quanto você e meus denguinhos são tradicionais, coisa de mãe...Beijinhos, afagos e colo. Quando precisar de um.... Saiba que este aqui está à sua disposição..


Que Deus continue iluminando seus dias, seu caminho e que consigas alcançar a plenitude, pois estrela você já é. Brilha intensamente e ofusca os que não conseguem entender sua linguagem tão interessante e criativa. Muito sucesso, saúde, alegrias e muitos amigos. 
Parabéns pra você!!!!! Beijo de algodão doce e abraço apertadinho...Seja sempre esta pessoinha especial que és...Pois gosto de ti exatamente pelo seu "jeitinho lindo".
Ahhh!!!! Pra você de presente. 


VERBO SER



Que vai ser quando crescer?
Vivem perguntando em redor. Que é ser?
É ter um corpo, um jeito, um nome?
Tenho os três. E sou?
Tenho de mudar quando crescer? Usar outro nome, corpo e jeito?
Ou a gente só principia a ser quando cresce?
É terrível, ser? Dói? É bom? É triste?
Ser; pronunciado tão depressa, e cabe tantas coisas?
Repito: Ser, Ser, Ser. Er. R.
Que vou ser quando crescer?
Sou obrigado a? Posso escolher?
Não dá para entender. Não vou ser.
Vou crescer assim mesmo.
Sem ser Esquecer.


Carlos Drummond de Andrade

12 de abr de 2010

OS TRÊS ÚLTIMOS DESEJOS DE ALEXANDRE, O GRANDE

Quando à beira da morte, Alexandre convocou os seus generais e relatou seus três últimos desejos:

1 - que seu caixão fosse transportado pelas mãos dos médicos da época; 

2 - que fossem espalhados no caminho até seu túmulo os seus tesouros conquistados (prata, ouro, pedras preciosas...); e

3 - que suas duas mãos fossem deixadas balançando no ar, fora do caixão, à vista de todos.

Um dos seus generais, admirado com esses desejos insólitos, perguntou a Alexandre quais as razões. Alexandre explicou:

1 - Quero que os mais iminentes médicos carreguem meu caixão para mostrar que eles NÃO têm poder de cura perante a morte;

2 - Quero que o chão seja coberto pelos meus tesouros para que as pessoas possam ver que os bens materiais aqui conquistados, aqui permanecem;

3 - Quero que minhas mãos balancem ao vento para que as pessoas possam ver que de mãos vazias viemos e de mãos vazias partimos.

11 de abr de 2010

ME DEIXAS LOUCA!

Pra você que me desperta tantos desejos..... rsssss Bjus

CURRÍCULO DOS 4 CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA!

É bom saber em quem vamos votar....



DIDÁTICO - COMPARE E TIRE SUAS DÚVIDAS  
Curriculo de vida dos candidatos.jpg
Curriculo Acadêmico dos candidatos.jpg
Curriculo eleitora dos candidatos.jpg




Mãe... (Luis Fernando Veríssimo

...  Mãe: Alô?
  Filha: Mãe? Posso deixar os meninos contigo hoje à noite?
  Mãe: Vai sair?
  Filha: Vou.
  Mãe: Com quem?
  Filha: Com um amigo.
  Mãe: Não entendo porque você se separou do teu marido, um homem tão bom...
  Filha: Mãe! Eu não me separei dele! ELE que se separou de mim!
  Mãe: É... você me perde o marido e agora fica saindo por aí com qualquer um...
  Filha: Eu não saio por aí com qualquer um. Posso deixar os meninos?
  Mãe: Eu nunca deixei vocês com a minha mãe, para sair com um homem que não fosse teu pai!
  Filha: Eu sei, mãe. Tem muita coisa que você fez que eu não faço!
  Mãe: O que você tá querendo dizer?
  Filha: Nada! Só quero saber se posso deixar os meninos.
  Mãe: Vai passar a noite com o outro? E se teu marido ficar sabendo?
  Filha: Meu EX-marido!! Não acho que vai ligar muito, não deve ter dormido uma noite sozinho desde a separação!
  Mãe: Então você vai dormir com o vagabundo!
  Filha: Não é um vagabundo!!!
  Mãe: Um homem que fica saindo com uma divorciada com filhos só pode ser um vagabundo, um aproveitador!
  Filha: Não vou discutir, mãe. Deixo os meninos ou não?
  Mãe: Coitados... com uma mãe assim...
  Filha: Assim como?
  Mãe: Irresponsável! Inconseqüente! Por isso teu marido te deixou!
  Filha: CHEGA!!!
  Mãe: Ainda por cima grita comigo! Aposto que com o vagabundo que ta saindo contigo você não grita.
  Filha: Agora tá preocupada com o vagabundo?
  Mãe: Eu não disse que era vagabundo!? Percebi de cara!
  Filha: Tchau!!
  Mãe: Espera, não desliga! A que horas vai trazer os meninos?
  Filha: Não vou. Não vou levar os meninos, também agora não vou mais sair!
  Mãe: Não vai sair? Vai ficar em casa? E você acha o que, que o príncipe encantado vai bater na tua porta? Uma mulher na tua idade, com dois filhos, pensa que é fácil encontrar marido? Se deixar passar mais dois anos, aí sim que vai ficar sozinha a vida toda! Depois não vai dizer que não avisei! Eu acho um absurdo, na tua idade você ainda precisar que EU te empurre para sair!

  

8 de abr de 2010

Homenagem à nossa querida Tati Monteiro


Tatiana MonteiroTati querida,tô aqui  tão sem chão, tão triste, tão, tão..... Estava preocupada com sua ausência minha querida Tati Monteiro, mas jamais pensei que não estaria mais entre nós.... Com você aconteceu como o filme, "Nunca te vi, sempre te amei.... ". Quantas vezes falava comigo quando percebia que eu estava triste, me mandava DMs tão animadoras e carinhosas... Não querida, você não morreu, estará sempre presente em nossos corações... Estamos sofrendo e chorando sua ausência, eu, O César, a Sandra, a Helinha e tantas outras pessoas que aprenderam a te amar, a se deliciar com seus textos, com seu sorriso, com sua alegria, com seu carinho tão certo nas horas incertas.... Queria ser "poeta" pra te escrever com palavras lindas tudo o que sinto.... Mas sei que você será nossa estrela e estará brilhando com sua luz e amor, nos mandando sempre boas energias... Quero lembrar de ti sempre rindo dos meus "beijos de algodão doce" minha amorinha linda.... Não estou me despedindo, não vou te dizer adeus.... Te amo grandão.... Sinta meu abraço apertadinho de fechar os olhos... Hoje, mais apertadinho que sempre, com lágrimas nos olhos e dor no coração.... Beijo querida... Sei que estarás protegida minha criança..... Com amor...
Queria te mandar uma música feliz, mas juro, não tô dando conta.... Bjos


Love in the afternoon

É tão estranho
Os bons morrem jovens
Assim parece ser
Quando me lembro de você
Que acabou indo embora
Cedo demais

Quando eu lhe dizia
Me apaixono todo dia
É sempre a pessoa errada
Você sorriu e disse
Eu gosto de você também
Só que você foi embora...
Cedo demais!

Eu continuo aqui
Meu trabalho e meus amigos
E me lembro de você
Em dias assim
Dia de chuva
Dia de sol
E o que sinto não sei dizer...

Vai com os anjos
Vai em paz
Era assim todo dia de tarde
A descoberta da amizade
Até a próxima vez...

É tão estranho
Os bons morrem antes
Me lembro de você
E de tanta gente que se foi
Cedo demais!
E cedo demais...
Eu aprendi a ter
Tudo o que sempre quis
Só não aprendi a perder
E eu que tive um começo feliz...
Do resto não sei dizer
Lembro das tardes que passamos juntos
Não é sempre mais eu sei
Que você está bem agora
Só que neste mundo
O verão acabou.
Cedo demais! 

3 de abr de 2010

AQUARELAS DA IDADE























Debaixo dos Caracóis - Nara Leão

Além do Horizonte - Nara Leão

"Por Causa de Você" Nara Leão e Roberto Menescal

TROCANDO EM MIÚDOS com Nara Leão

2 de abr de 2010

Se eu quiser falar com Deus!

DO FUNDO DO MEU CORAÇÃO

1 de abr de 2010

Bandolins (Osvaldo Montenegro)


Música linda, com nova roupagem! Tempos bons hem Ruthinha???? Qdo cantarolávamos Osvaldo Montenegro????Beijo amiga, por me fazer recordar tão doces momentos... E adorei a visita ontem... Bjos. Fique tranquila, tudo dará certo...